22 maio, 2010

E, DAÍ, QUAL É O PROBLEMA?

Olá todo mundo!

Espero que vocês gostem. Gente, sigam meu conselho. É dos bons, hehe!!! Tem gente que diz que se conselho fosse bom ninguém dava. Vendia. Mas não me importo. Eu dou.  :))


Se você amanhecer, com saudade não-sei-de-quê,
Acredite é vontade, de abraçar o bem-querer.  
De jogar conversa fora, e ficar sem fazer nada.
De parar por uns instantes, não calcular a jogada.  
Tudo bem podem pensar, que isso é pura bobagem.
Mas esses adejos nos dão, muita energia e coragem. 
É tão bom de vez em quando, ficar na vagabundagem!
E daí, qual é o problema, desligar só um pouquinho? 
Dar risadas, se alegrar, em casa ou num barzinho? 
Se você acordar assim, querendo um kara-o-que,
Desligue seu corre-corre, e cai no sambalelê! ;))


A propósito, você gosta das pinturas de Renoir? Eu adoro. Principalmente porque ele tinha uma mania (aliás, ótima, rsrs) de retratar o que é bonito e agradável.

La colazzione dei canottieri


La Moulin de la Galette

Ele levava para o mundo das artes, apenas o que lhe fazia bem aos olhos e a alma e deixava os problemas e as coisas feias para o universo do mundo real.  Uma vez ele disse que nunca havia pensado em retratar a realidade, mas que retratava apenas a impressão (ele era impressionista, lembra?) que essa realidade lhe causava num determinado instante. Lindo não?

"A dor passa, mas a beleza permanece" - Pierre Auguste Renoir (França - 1841-1919)

Enjoy.
Beijos e bom final de semana.
Postar um comentário