31 dezembro, 2009

E ANO NOVO TAMBÉM...

Olá,

Pois é, 2009 já era. Ainda bem. Para mim, foi um ano complicado. Mas, graças a Deus, passou e aqui me encontro, fortalecida, com novas esperanças para 2010! Desejo que a esperança viisite você também, para seu fortalecimento e renovação interior.

Confesso que tenho vontade de dizer alguma coisa que seja bonita, mas que ao mesmo tempo contenha uma verdade. Por isso, na falta de talento com as palavras, socorro-me do grande poeta Fernando Pessoa, que expôs com invejável clareza e profunda sensibilidade poética o seu pensamento (e é bem assim que eu também penso) a respeito das nossas andanças por esse mundo de Deus. 

Confira a beleza e a verdade que o poeta fez emergir, alinhando lado a lado, palavras tão simples. (ARTISTA é ARTISTA!)

"De tudo ficaram três coisas:
a certeza de que estamos começando,
a certeza de que é preciso continuar,
a certeza de que podemos ser interrompidos antes de terminar.

Façamos da interrupção um novo caminho,
da queda um passo de dança,
do medo uma escada,
do sonho uma ponte,
da procura um encontro.
E assim terá valido a pena."


Receba o meu abraço carinhoso e os melhores votos neste ano que se inicia.
QUE VENHA 2010!

24 dezembro, 2009

ENTÃO É NATAL...

Queridas amigas e amigos,

Feliz Natal.
Muita alegria para vocês.

Que os pedidos feitos às estrelas,
sejam todos atendidos!

Hoje é uma data muito especial,
só pense em coisas boas,
afaste todos os pensamentos sombrios.
Alegre-se!
Você pode, sim. E deve. E merece!

UM ABRAÇO BEM APERTADO!
BOAS FESTAS!

17 dezembro, 2009

CADÊ O TAXI?

Se tem uma coisa que acho cansativo nas viagens de avião é, na chegada, pegar as malas e o taxi. É que, em condições normais, a gente já chega cansada e esses trâmites costumam atrasar um pouco. Mas você verá que o atraso que vou relatar, é absolutamente inaceitável. Veja só. Viajando a trabalho, eu e meu marido, chegamos ao nosso destino às 0h10min. Estávamos cansados, mas na esperança de que, mais um pouquinho e a gente estaria no hotel descansando. Ledo engano! As coisas foram muito diferentes! Primeiro as malas. Uma verdadeira tortura chinesa. Simplesmente assim, o tempo passando e nós esperando. E a esteira andando. Vazia. Até que lá pelas tantas, depois de muito esperar, eis que surgem elas, as malas! Pronto, agora só faltava o táxi. Mandaram-nos pegar um taxi direto. − É bem ali, ó. E o pessoal correndo, literalmente. E então sentimos a maldade. A fila era quilométrica e nem sinal de taxi. Notei que havia um homenzarrão correndo de um lado para o outro e dizendo que estava organizando a fila. Enquanto isso, o tempo passava e o pessoal cansado começou a reclamar.
E o taxi? Cadê o taxi? − É que só temos trinta taxis senhor, e eles vão e voltam e tem que esperar. (Isso mesmo, 30 taxis para atender todo aquele pessoal, calculei por alto, umas cem pessoas). − Se quiserem, vão se queixar ali ó, na INFRAERO, a culpa é deles. Então lembrei que na chegada, dentro do avião éramos tratados como clientes. Com agradecimentos e tal. E agora, ninguém é mais cliente? Bem, pelo que senti, nesse aeroporto, desceu do avião, bailou. O pessoal responsável pelos serviços aeroportuários não demonstra a menor preocupação com quem viajou. Sem chances. Sabe que horas conseguimos entrar no taxi? Às 2h18min!  Desculpe-me o desabafo, mas chegar no aeroporto e esperar duas horas para pegar a mala e tomar o taxi? É demais, você não acha?  O nome do aeroporto? Aeroporto Internacional de Campo Grande. A gente perguntava e nos respondiam: aqui é assim mesmo.

Fui. Até breve.

15 dezembro, 2009

FILHOS COM AÇÚCAR

Olá.

Meu netinho está cada dia mais esperto. Ontem era um bebezinho e hoje já anda correndo pela casa. Está aprendendo a falar, mas não me chama de vovó. Ele, simplesmente, atrevidamente me chama pelo nome. Já fiz de tudo, ensinei, falei que é vovó, repeti, mas não adiantou nada. E não é por falta de exemplo, pois minha neta, que tem mais idade que ele, sempre me chamou e me chama de vó. Que fazer, são os temperos da vida! Quando ele chega em minha casa, já vem procurando algo para mexer, e como é rápido! Ele mexe e eu corro atrás, e acho a maior graça quando, ao sentir-se ameaçado, ele rapidamente pára e me olha, apronta o melhor sorriso e me chama: Marli bem cá.

Com minha netinha, que já entende das coisas, a conversa é outra, a comunicação acontece noutro patamar. Mas ela também sabe aprontar uma caretinha e dizer toda melosa, ô vó, tu tem que trabalhar hoje? Ah, isso me aperta o coração. E eu penso, é verdade, os netos são a parte boa da vida. Alguém já disse, com propriedade, que netos são os filhos com açúcar e que os avós são uns corações moles. Reconheço é a pura verdade. Em dias como esses eu saio para o trabalho com um pontinha de tristeza me cutucando. E na ida, eu já vou contando as horas para voltar!!!!!!

Era isso. Fui. Até breve.

08 dezembro, 2009

MULHERES OTIMISTAS VIVEM MAIS


Mulheres otimistas correm menos riscos de ter doenças cardíacas e vivem mais - de acordo com um estudo feito nos Estados Unidos.

Uma pesquisa anterior, feita por especialistas holandeses, já havia concluído que o otimismo reduz o risco de problemas cardíacos em homens. Quase cem mil mulheres participaram do novo estudo, publicado na revista científica Circulation. A investigação concluiu que as pessimistas tendem a apresentar pressão mais alta e índices mais altos de colesterol.  Mesmo quando esses fatores foram levados em consideração - ou seja, comparando-se grupos de mulheres com pressão alta e altos índices de colesterol - a diferença de atitude alterou significativamente os riscos entre otimistas e não otimistas. Mulheres otimistas tiveram 9% menos chances de desenvolver problemas cardíacos e 14% menos chances de morrer por qualquer causa após oito anos de acompanhamento.

Em comparação, mulheres cínicas, que cultivam sentimentos hostis ou não confiam nos outros, apresentaram 16% mais probabilidade de morrer dentro do mesmo período. Uma possível explicação, segundo os pesquisadores, é que as otimistas talvez sejam mais capazes de enfrentar adversidades e talvez sejam mais capazes de cuidar de si próprias quando ficam doentes.

Mais exercícios

O estudo concluiu que mulheres otimistas fazem mais exercícios e são mais magras do que as pessimistas. "As evidências indicam que negatividade constante e em alto grau é ruim para a saúde", disse a pesquisadora Hilary Tindle, da University of Pittsburgh. Para uma porta-voz da entidade beneficente britânica para doenças cardíacas British Heart Foundation, o aumento do risco de doenças cardíacas pela liberação de certas substâncias no organismo por conta de "emoções hostis" é conhecido, mas o mecanismo como isso funciona ainda é um mistério.
"Atitudes otimistas ou hostis podem estar associadas a comportamentos que têm implicações para a saúde, como fumar ou seguir dietas ruins, o que pode também influenciar a saúde do coração", disse a porta-voz. "Uma boa coisa para todas as mulheres é que, independentemente da sua natureza, fazer escolhas saudáveis como não fumar e comer bem terá muito mais impacto sobre a saúde do seu coração do que a sua atitude."
"São necessárias mais pesquisas para explorar como e por que essas características psicológicas podem afetar a saúde", acrescentou a porta-voz.

FONTE: BBC

07 dezembro, 2009

MIL ACESSOS!

Já tenho mais de 1.000 visitas registradas no meu blog. Para um Blog que começou ontem, e que fiz apenas para registrar os assuntos que eu gosto, estou muito feliz. Agradeço a todos os que, embora no anonimato, hehehehe, aqui estiveram me prestigiando. Agradeço aos seguidores, boa gente, estão sempre comigo.

Continuem me visitando e me seguindo, pois se continuar assim, posso até entrar na política, e, se eu entrar, por favor, votem em mim!!!!!!!!!
bjs!

ASSASSINOS DE CÃO DA PRAIA DE QUINTÃO-RS VÃO A JULGAMENTO

SENHOR,
Ilumine os julgadores para que a justiça seja feita e resulte em punição severa contra esses assassinos, para que no futuro, crimes monstruosos contra seres indefesos, não se tornem corriqueiros.

DATA DO JULGAMENTO: 09 de março de 2010.

Vamos fazer uma corrente de orações para que os animais parem de sofrer nas mãos das pessoas. Que as pessoas se compadeçam dos animais, eles são tão indefesos. Não podem nem falar.

PROMOTOR: Ricardo Schinestsck, promotor de Justiça de Palmares do Sul responsável pelo processo.

Há chance de prisão para os jovens que mataram animal a pauladas e gravaram a crueldade.

“Maus-tratos aos animais no Brasil não dão em nada”. Felizmente a frase que simboliza a falta de esperança de quem denuncia injustiças contra os bichos torna-se, aos poucos, falsa. Um levantamento feito pela ARCA aponta pelo menos 15 casos de condenação de atos de agressões contra animais no país, a maioria deles nos últimos 4 anos (veja o quadro). Este número até pode ser considerado elevado se levarmos em conta que até então as ocorrências terminavam em acordos entre as partes, antes mesmo do julgamento (transação penal).

No emblemático caso do “cão de Quintão”, a promotoria não cedeu e o julgamento está com data marcada: nove de março de 2010. “Fizemos o possível juridicamente para os jovens não receberem os benefícios. Assim, não houve impedimento do processo criminal.”, explica Ricardo Schinestsck, promotor de Justiça de Palmares do Sul responsável pelo processo. Para ele, chegar a essa etapa já é uma conquista: “Não temos as instituições para fazer cumprir a lei, daí a importância de conquistar essa jurisprudência [seqüência de decisões jurídicas com uma mesma tendência]”.

As assinaturas colhidas pela ARCA Brasil farão parte da argumentação de Schinestsck durante o julgamento. Com base em sua exposição, assim como a do advogado de defesa, o juiz irá formar uma sentença, e, caso haja condenação, decidirá qual a gravidade da pena.

“A singularidade desse caso está justamente em seu potencial de exposição. É inaceitável que pessoas produzam e veiculem esse tipo de filme – assassinato de um animal indefeso aos risos – em uma rede social”, desabafa Marco Ciampi, presidente da ARCA Brasil. De acordo com ele as imagens, associadas à falta de punição podem aumentar a violência contra os animais. “Não podemos deixar isto acontecer impunemente. É preciso mostrar ao sistema judiciário que queremos os acusados na cadeia. Por isso precisamos do maior número de assinaturas possível.”, complementa.

O promotor receberá as assinaturas recolhidas pela ARCA Brasil em dezembro. O número coletado até agora já equivale a um terço da população de Balneário Quintão, onde o crime aconteceu, com 12 mil habitantes. O caso chegou a criar alarde internacional e até entidades de Buenos Aires entraram em contato para saber como o processo será desenrolado.

Acredite! Podemos fazer esse número tornar-se ainda maior! Repasse a todos os seus contatos agora mesmo: o resultado deste julgamento poderá influenciar decisões futuras em outros casos de maus-tratos.

A ARCA Brasil acredita que as vitórias nos tribunais merecem nosso apoio para que se tornem cada vez mais freqüentes e a legislação se fortaleça. Por isso preparamos esse importante levantamento, com condenações baseadas no artigo 32 da Lei nº 9605, que proíbe "Praticar ato de abuso e maus-tratos à animais domésticos ou domesticados, silvestres, nativos ou exóticos ":

Leia mais condenações:


05 dezembro, 2009

2012

Olá.
Sou fascinada pela tecnologia computacional. Tanto que só assisto filmes no meu lap-top, há muito tempo. Coloco os fones de ouvido e conquisto minha independência. Acho beleza, não atrapalho ninguém e ninguém me atrapalha e ao mesmo tempo estou tranqüila em minha casa junto com os meus. Bem, pelo menos era assim que eu pensava e para mim isso era o bastante.
Dia desses, uma jovem amiga, muito querida, convidou-me para ir com ela ao cinema assistir o filme 2012. Pensando apenas em ser agradável, aceitei o convite. E lá estávamos nós, no cinema, cada uma com um sacão de pipocas! Nem preciso dizer que adorei! Uma energia boa e gratificante me envolveu naquela tarde. Aquele ambiente, nossas conversas antes de entrar na sala... Aquela interação toda... confesso que me senti rejuvenescida! Como pude esquecer o prazer de sair com uma amiga durante tanto tempo? Não sei. Mas acho que a vida é assim mesmo. Corremos tanto pelos outros, nos envolvemos com mil coisas que acabamos nos deixando para trás, à margem de nós mesmos. Mas ainda bem que tive oportunidade de (re)descobrir a tempo que um "cineminha" em boa companhia, faz muito bem ao coração! Prometo que repetirei mais vezes esse programa. Mas não pensem que vou abandonar os filmes do lap-top. Não! Vou usufruir da telinha e da telona, que as duas valem a pena! Obrigada Cari, pelo convite e pela companhia. Tu sabes que essas palavras são verdadeiras.

O filme 2012? Muiiito bom! Os efeitos especiais são fantásticos. A história decorre de uma lógica bem estruturada. É claro que tem alguns senões, mas enfim, nada é perfeito. Em resumo, assista, você vai gostar!

Por enquanto, era isso. Até breve.

01 dezembro, 2009

FILANTROPIA - LEI Nº 12.101 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2009


Olá.

Para conhecimento e orientação das entidades, segue o texto da nova lei da filantropia, que foi publicada dia 30 de novembro (ontem).

LEI Nº 12.101 de 27 de novembro de  2009  -  Dispõe sobre a certificação das entidades beneficentes de assistência social; regula os procedimentos de isenção de contribuições para a seguridade social; altera a Lei no 8.742, de 7 de dezembro de 1993; revoga dispositivos das Leis nos 8.212, de 24 de julho de 1991, 9.429, de 26 de dezembro de 1996, 9.732, de 11 de dezembro de 1998, 10.684, de 30 de maio de 2003, e da Medida Provisória no 2.187-13, de 24 de agosto de 2001; e dá outras providências.

Aqui os links para voces lerem. Vão lá, leiam e voltem!!!!!!!!!!!!

O texto da lei (e os vetos) você encontra direto do sítio do planalto.
Por enquanto era isso.
Até breve.

30 novembro, 2009

O HOMEM MAIS SEXY DO MUNDO

Olá!

Johnny Depp foi eleito o homem mais sexy do mundo pela revista  "People"

Johnny Depp tem 46 anos. Ele derretou o coração das adolescentes ao estrear na série de TV dos anos 80 "Anjos da lei" e continuou construindo uma carreira sólida através de papeis pouco convencionais, como "Edward Mãos de Tesoura", mas além do talento e da beleza, foi sua devoção à família que fez do ator um homem extremamente atraente, segundo a "People".

Depp é casado com a cantora e atriz francesa Vanessa Paradis, com quem tem dois filhos, Lily-Rose, de 10 anos, e Jack, de sete.
O astro deixou para trás galãs como Ryan Reynolds, 33 anos e co-protagonista do recente "A Proposta", e Jake Gyllenhaal, de "O Segredo de Brokeback Mountain".

Depp já havia sido escolhido o homem mais sexy em 2003, o que o converte, junto com George Clooney e Brad Pitt, nos únicos artistas masculinos a repetir esse título.
Leia a notícia completa na FONTE: Correio Brasiliense.


EU AINDA CONTINUO PREFERINDO O CINQUENTÃO
DE OLHOS AZUIS E SOTAQUE INGLÊS

H U G H     L A U R I E

E    V O C Ê ?

28 novembro, 2009

LOUCOS E SANTOS

Olá.
Hoje resolvi postar um texto de Oscar Wilde.  Espero que gostem.  É um texto brilhante e verdadeiro.

Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila.  Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante. A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos.  Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.  Deles não quero resposta, quero meu avesso.  Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.  Para isso, só sendo louco.  Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.
Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta.  Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria.  Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto.  Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade.  Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.  Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça. 

Não quero amigos adultos nem chatos.  Quero-os metade infância e outra metade velhice!  Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa.  Tenho amigos para saber quem eu sou.  Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril. (Oscar Wilde)

Era isso. Fui. Até breve!

26 novembro, 2009

ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS

Olá,

Gente, leiam esse diálogo, escrito há muuuito tempo atrás.


"O senhor poderia me dizer, por favor, qual o caminho que devo tomar para sair daqui? Isso depende muito de para onde você quer ir, respondeu o Gato. Não me importo muito para onde, retrucou a menina. Então não importa o caminho que você escolha, disse o Gato."
Reconheceram?  Pois é.... Foi escrito por Lewis Carroll, em 1865. E agora vai virar filme, claro com algumas adaptações. Bem, mas isso é papo pra outra ocasião.

De volta ao presente, pergunto, você realmente sabe o que quer? Aonde quer chegar?
Certamente você dirá que o mundo mudou. É verdade, concordo,  mas os conflitos não. Eles continuam exatamente os mesmos. Pelo menos é o que venho observando.

Voltar para a postagem original.

Tchau. Até mais.

21 novembro, 2009

PÉROLAS ...

Olá, Penso sempre que os talentos são, todos eles, dons divinos que Deus nos deu. Mas o talento para a charge, sinceramente está além dessa singela classificação. Fazer charge é uma coisa fantástica. O chargista, além das características externas dos personagens, ainda capta (com ironia), o momento, o sentimento, o pensamento e as circunstâncias daquilo que ele deseja comunicar. E pronto. Lá vai ele desenhar! (e mais, ainda tem que saber desenhar!) O resultado? Bem esse a gente já sabe. É sempre inesperado, mas totalmente real. E essa é a grande sacada! A charge é sempre uma verdade que o chargista nos apresenta numa indumentária toda especial. E isso é o que me sensibiliza e, que para mim se configura como representação fiel do talento de que falei há pouco. Vejam essa pérola que tirei direto do Blog do Amarildo. Quer ver mais, vá direto na fonte: Blog do Amarildo. Era isso. Fui. Até breve!

20 novembro, 2009

MORRE O PRODUTOR HERBERT RICHERS

Problemas renais vitimaram dono da principal empresa de dublagem brasileira
Morreu por volta de 1h da manhã desta sexta-feira, aos 86 anos, o produtor Herbert Richers. Ele estava internado desde o dia 8 de novembro na Clínica São Vicente, na zona sul do Rio de Janeiro, e a morte ocorreu em consequência de problemas renais. O velório acontecerá hoje, a partir das 14h, no Memorial do Carmo, no Caju. O corpo será cremado ainda nesta sexta em horário não divulgado.

Richers nasceu em 11 de março de 1923, na cidade de Araraquara, em São Paulo. O público brasileiro se acostumou a ouvir seu nome em diversos filmes e animações que tiveram a versão para o português feita pela clássica dubladora Herbert Richers. A empresa foi criada em 1950 e tornou-se referência na área de dublagem não só no Brasil mas também no mundo.

Além de dublagem, Richers também foi produtor de cinema e TV. Começou sua carreira em 1952 como operador de câmera no filme Amei um Bicheiro. Rapidamente tornou-se produtor de longas-metragens dos estúdios Atlântida. Nesta época ele produziu coisas como Sai de Baixo (1956), O Viúvo Alegre (1960), Os Cosmonautas (1962) entre vários e vários outros. Essa sua fase continuou até 1975. A Herbert Richers também passou a produzir filmes como O Assalto ao Trem Pagador (1962) e Vidas Secas (1963).

Herbert foi amigo de Walt Disney e foi o empresário americano quem apresentou seu sistema de dublagem ao brasileiro. Isso foi fundamental para a melhoria da qualidade da exibição de filmes no Brasil, já que as legendas eram praticamente ininteligíveis na época.

As informações são do R7.

FONTE: CORREIO DO POVO.com.br

06 novembro, 2009

PLANTE SEU JARDIM E DECORE SUA ALMA

Olá,

Preciso dizer que sou fã incondicional dos sonetos de Shakespeare. Mas não estou só, pois sei que seus sonetos são considerados até hoje, os mais lindos de todos os tempos, inobstante tenha sido a dramaturgia o vetor de seu sucesso mundial. Sua obra é imortal e atual, retratada frequentemente pelo teatro, televisão, cinema e literatura.

Shakespeare mostrou com precisão a complexidade da natureza humana: a paixão de Romeu e Julieta, o ciúme cego de Otelo e a ambição de Macbeth. Antes dele, nenhum outro poeta ou dramaturgo tivera a coragem de trazer à público esses sentimentos tão fortes, e, até mórbidos, que habitam o íntimo das pessoas.

Shakespeare é um dos escritores mais citados no mundo. Mesmo quem nunca leu Hamlet já conhece a frase famosa: "Ser ou não ser, eis a questão".

Seus textos literários são obras de arte que permanecem vivas até os dias atuais.
Agora, leiam...

Depois de algum tempo você aprende a diferença...

a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma.
E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que companhia nem sempre significa segurança.
E começa a aprender que beijos não são contratos e presentes não são promessas.
E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.
E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.

Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo.

E aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam...
E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso.

Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.

Descobre que se leva anos para se construir confiança e apenas segundos para destrui-la, e que você pode fazer coisas em um instante, das quais se arrependerá pelo resto da vida.

Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias.

E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida. E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher.

Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendemos que os amigos mudam, percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos.

Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa, por isso sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas, pode ser a última vez que as vejamos.

Aprende que as circunstâncias e os ambientes tem influência sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos.

Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que pode ser.

Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto.

Aprende que não importa onde já chegou, mas onde está indo, mas se você não sabe para onde ir, qualquer caminho serve.

Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão, e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem dois lados.

Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências.

Aprende que paciência requer muita prática.

Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera que o chute quando você cai é uma das poucas que o ajudam a levantar-se.

Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas do que com quantos aniversários você celebrou.

Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha.

Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.

Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel.

Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame, não significa que esse alguém não o ama com tudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso.

Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, algumas vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo.

Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado.

Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte.

Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás.

Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.

E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais.

E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!

Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem que poderíamos conquistar, se não fosse o medo de tentar.


GOSTARAM?

Até breve!!!!!!!
Fui.

03 novembro, 2009

APROVADA A NOVA LEI DA FILANTROPIA

Oiiiiiiiiiii, pessoal, tudo bem com vocês? Já vou pedindo desculpas, antes que me enforquem! (risos) É que esse é o segundo post consecutivo onde falo somente sobre assuntos profissionais. Mas é que no momento, as coisas estão em ebulição e não posso deixar à deriva, as pessoas que procuram uma explicação sobre o que está se passando no mundo da filantropia. Pronto. Veja a notícia!!!!! O Senado Federal aprovou, por unanimidade, o Projeto de Lei relatado pelo Senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) que dispõe sobre a Certificação das Entidades Beneficentes de Assistência Social e dá outras providências. Fonte: Portal da CMB Agora a matéria seguirá para sanção presidencial. Se você quiser dar uma lida, a cópia do texto aprovado pelo Senado estará disponível no site da TSA Auditores Associados: http://www.tsa.com.br/ Eu gosto das coisas simples, por isso, fiz um resuminho dos pontos que mais preocupam as entidades. Boa leitura! PARA FAZER JUS À CERTIFICAÇÃO Área de saúde: • Aplicar anualmente em gratuidade a prestação dos seus serviços ao SUS no percentual mínimo de 60%, que poderá ser alcançado com base no somatório das internações realizadas e dos atendimentos ambulatoriais prestados. • Possibilidade de incluir no percentual de gratuidade o atendimento realizado por meio de contratos de gestão, na forma do regulamento. Área de educação: • Aplicar anualmente em gratuidade o percentual mínimo de 20% da receita anual efetivamente recebida. • Para complementar essa gratuidade é possível contabilizar 25% do montante destinado a ações assistenciais, ao ensino gratuito da educação básica (em unidades específicas) e aos programas de apoio a alunos bolsistas (transporte, uniforme, material didático e outros que o regulamento definirá). Área da assistência social: • Os serviços devem ser integralmente gratuitos, continuados e planejados. • Entidades que prestam serviços com objetivo de habilitação e reabilitação de pessoas com deficiência devem comprovar a oferta de, no mínimo, 60% de sua capacidade de atendimento ao sistema público de assistência social. OBRIGAÇÃO DE CRIAR UMA PESSOA JURÍDICA PARA CADA ÁREA DE ATUAÇÃO • Não é necessário ter CNPJ independente para cada área. PRAZO DE VALIDADE DOS CERTIFICADOS CONCEDIDOS • Pode variar de um a cinco anos, conforme fixar o regulamento. • A renovação deverá ser requerida no Ministérios responsável pela área de atuação preponderante. • A escrituração contábil deverá ser segregada por área, de modo a evidenciar o patrimônio, as receitas, os custos e as despesas de cada atividade desempenhada. Bem, por enquanto era isso. Podem comentar e perguntar também. O que estiver ao meu alcance, responderei. Até mais!!!!!!! Tchau!!!!!!!

28 outubro, 2009

JUSTIÇA RETOMA ANISTIA PARA 7 MIL FILANTRÓPICAS

Presidente do TRF da 1ª Região suspende decisão de primeira instância que anulava os efeitos da MP das Filantrópicas. Perdão tributário a entidades deve passar dos R$ 2,1 bilhões Uma decisão do presidente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1ª), Jirair Aram, devolveu a cerca de 7 mil entidades filantrópicas o direito a uma anistia tributária que deve passar dos R$ 2,1 bilhões. Jirair suspendeu a decisão em primeira instância da Justiça Federal que anulou os efeitos da Medida Provisória (MP) 446/2008, conhecida como MP das Filantrópicas. Na prática, o presidente do TRF revalidou os efeitos da medida provisória que concedia renovação dos certificados de filantropia mesmo para entidades sob investigação da Polícia Federal (PF) e do Ministério Público Federal (MPF). O presidente do TRF1ª aceitou os argumentos usados pela Procuradoria Regional da União na 1ª Região, que defende o governo nessa disputa judicial, e derrubou no último dia 30 a decisão do relator do processo no tribunal, Cleberson José Rocha, que havia confirmado uma liminar dada pela 13ª Vara Federal, em Brasília. Ao confirmar a derrubada da MP, Cleberson argumentou que a proposta do governo “ofendia de morte” a Constituição Federal. Na sua decisão, o presidente do TRF1ª diz que a sentença da juíza Isa Catão, da 13ª Vara Federal, "coloca em rota de colisão os poderes da República" e implica "grave lesão à ordem pública". Jirair Aram argumenta que o Judiciário não pode se intrometer na regulamentação da MP e que o assunto cabe apenas ao Congresso. A MP das Filantrópicas causou intensa polêmica no Parlamento. Inicialmente, foi devolvida à Casa Civil pelo então presidente do Senado, Garibaldi Alves (PMDB-RN), por entender que o texto não preenchia os preceitos de urgência e relevância para ser tratado por medida provisória. Um arranjo feito com a Câmara permitiu que o texto fosse votado e rejeitado pelos deputados em plenário. Mas os efeitos da MP continuaram valendo. Isso porque os parlamentares não votaram até hoje um projeto de decreto legislativo suspendendo a validade da medida provisória. Duas propostas foram apresentadas: uma pela deputada Luciana Genro (Psol-RS) e outra pelo deputado Raul Jungmann (PPS-PE), autor de uma ação popular que pede cancelamento da MP 446, ainda em março deste ano. Só que, por força política do governo, as propostas não foram votadas. O prazo, segundo a Secretaria Geral da Mesa da Câmara, para que um decreto possa anular os efeitos da MP 446/2008 é de até 60 dias. Como esse período já foi superado, a medida provisória continuaria valendo caso não houvesse decisão judicial em contrário. “Flagrante ilegitimidade” O argumento jurídico usado pela Procuradoria Regional da União na 1ª Região para recorrer ao presidente do TRF1ª é a Lei 8.427/92. A norma abre a possibilidade para que os presidentes dos tribunais possam intervir "em caso de manifesto interesse público ou de flagrante ilegitimidade, e para evitar grave lesão à ordem, à saúde, à segurança e à economia públicas." Mas a liminar concedida pela Justiça Federal, segundo o pedido feito na ação civil pública do Ministério Público Federal (MPF), tentava impedir prejuízos futuros para a União caso a MP seja julgada inconstitucional no fim do processo. A juíza de primeira instância determinou a inscrição das filantrópicas na dívida da Receita, porque uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) estabeleceu o limite de cinco anos para cobrança de débitos com a Previdência Social. Entidades filantrópicas têm isenção da cota patronal do INSS e, caso percam seus certificados, terão de devolver os valores aos cofres públicos. Corrida contra o tempo Estão sob o risco de cair na chamada decadência, segundo os dados do próprio governo na ação, 1.274 processos de renovação de certificados em tramitação no Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS) e cerca de 380 recursos interpostos no Ministério da Previdência Social. Esses processos também tinham sido anistiados pela MP 446/08 antes da decisão da juíza federal. Os artigos contestados na proposta do governo davam anistia a cerca de 7 mil entidades filantrópicas com renúncia fiscal de mais de R$ 2,1 bilhões. A cifra corresponde apenas aos processos sob análise do Ministério da Previdência, cerca de mil casos. A renúncia fiscal do governo pode ser ainda maior, considerando que 1.274 recursos, que seriam extintos pela MP, tramitam no Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS). O fator tempo nesse processo é determinante, pois entidades que cometeram irregularidades não poderão ser obrigadas a devolver o valor isenção da cota patronal do INSS, por exemplo. As entidades investigadas pela Operação Fariseu da Polícia Federal, que foram anistiadas pela MP, são acusadas de fraudes na concessão do certificado de filantropia ou do descumprimento das normas da lei que garante a isenção tributária. "A decisão do presidente do TRF da 1ª Região traz grave prejuízo ao orçamento da Seguridade Social. Por que impossibilita, caso se decida que a MP é inconstitucional no futuro, que a Receita Federal cobre as entidades que cometeram irregularidades", diz o procurador da República e autor da ação civil pública, Pedro Antônio Machado. "É decisão que causa grave lesão a economia pública e não o contrário, como determina a lei que possibilitou essa posição do presidente do Tribunal", completa Machado. “Omissão do Congresso” Na avaliação dele, o argumento do presidente do TRF 1ª de que o Judiciário não deve se intrometer em decisão do Legislativo não se justifica. "Há uma omissão do Congresso. E é comum, como neste caso, que a Justiça de pronuncie como já fez o Supremo Tribunal Federal (STF) sobre vários temas de prerrogativa do Legislativo. Não vejo colisão entre poderes. Isso faz parte regime democrático", argumenta o procurador da República. O Congresso em Foco tentou contato com o presidente do TRF 1ª, mas sua assessoria informou que ele está de licença médica e que as perguntas da reportagem seriam encaminhadas ao magistrado. A mesma lei usada pelo governo para recorrer ao presidente do TRF1ª determina que a decisão dele, em caráter liminar, prevaleça até o julgamento final do processo em todas as instâncias da Justiça. Por isso, mesmo que a turma de desembargadores do TRF mantenha a decisão do relator, que reafirmou a liminar de primeira instância, os efeitos da MP estarão mantidos. FONTE: 26/10/2009 – Congresso Em Foco

08 outubro, 2009

BROCADO JAPONÊS

Oi pessoal! Apresento o Brocado Japonês! (De papel reciclado). É modelo de autoria de Minako Ishibashi. Trata-se de um origami modular, formado por vários quadrados que a gente dobra um por um e depois os encaixa uns nos outros de modo a formarem uma peça única. Adorei fazer, pois é muiiito fácil e fica lindinho, não acham? Aí vai o link pra vc fazer o teu. http://www.youtube.com/watch?v=6_ZJziEoyjs Esse, eu fiz com seis quadradinhos de 14cm de lado, mas pode ser feito também com 30 quadradinhos, com uma medida menor no lado. Fica um show! Mais perto pra ver melhor os detalhes. Para os complementos, dobrei um tsuru e 4 corações. Ah, e fiz uma franja com linha de seda.
Aqui é pra ter uma idéia do tamanho que ficou Se alguém quiser o diagrama, mando por email.
Até breve!

SEM ENSAIO...

Charles Chaplin. Um gênio!!!!!! A gente nem tem o que dizer, porque qualquer coisa que se disser, certamente não será condizente com o que ele foi, ou melhor, é.
"Esta
A vida é urna peça de teatro que não permite ensaios... Por isso, cante, ria, dance, chore e viva intensamente cada momento de sua vida... Antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos."

06 outubro, 2009

CONSTITUIÇÃO COMPLETA 21 ANOS

A Constituição brasileira - primeira lei na hierarquia das normas do País - completa hoje 21 anos de vigência. Chega à fase adulta amadurecida, segundo especialistas ouvidos pelo Jornal do Commercio. De acordo com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, a Carta Magna trouxe a opção pelo Direito privado e deu ênfase aos Direitos Sociais. O presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Mozart Valadares, disse que o texto de 1988 coroou a democracia no Brasil. Já o constitucionalista Luís Roberto Barroso afirmou que a Lei Maior possibilitou mais de duas de décadas de estabilidade institucional ao realizar a adequada demarcação do papel dos poderes e se destacou por ter estabelecido no País a cultura de se proteger os Direitos Fundamentais. Por essas razões, os especialistas ouvidos criticam, com unanimidade, as frequentes emendas constitucionais aprovadas pelo Congresso e, principalmente, propostas para a convocação de nova Constituinte. "Como, pois, no momento atual, alguém poder negar a existência de um tempo excepcional de liberdade e de plenitude do Estado de Direito?", questionou Bernardo Cabral, ex-senador e, à época da elaboração da Carta, presidente da Comissão de Sistematização. O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Cezar Britto, disse que chegou a hora "de se comemorar o fato de que uma Constituição que prioriza o cidadão em detrimento do Estado tenha sobrevivido e permitido a maior estabilidade já vivida no País". Luís Roberto Barroso FONTE: http://www.aasp.org.br/aasp/imprensa/clipping/cli_noticia.asp?idnot=6312

20 setembro, 2009

ECOLOGIA

Olá! Sem stress, mas acho importante a preservação da ecologia, por isso trago pra vocês uma idéia "verde", que se baseia num princípio bem simples: Ninguém conhece sua casa, seu trabalho, sua vida melhor do que você. Por isso, no meu entender, a preservação da ecologia se baseia exatamente nisso, no dia-a-dia de cada um de nós: diminuir um desperdiciozinho aqui, outro ali, selecionar o lixo, desligar a luz quando não estamos utilizando, fechar a torneira enquanto escovamos os dentes, coisinhas que passam tão despercebidas, que só nós mesmos podemos descobrir. Mas que somadas, podem ser a colaboração que o mundo tanto precisa que a gente dê. Olhe à sua volta. Você vai acabar descobrindo alguma coisa que pode ser feita, sem atrapalhar a sua vida, sem diminuir o seu conforto. E que poderá significar, para todos nós, muito mais do que você imagina. Pronto. Falei. Tchau gente! Até a próxima!

16 setembro, 2009

FILANTROPIA: MUDANÇA NAS REGRAS

Olá, pessoal! Uma notícia que recebi no Clipping e que passo agora para vcs. Ainda não fiz minha análise, mas assim que fizer, postarei aqui no blog. Boa Leitura! Câmara aprova mudança nas regras da filantropia A Câmara dos Deputados aprovou ontem à noite, em votação simbólica, projeto de lei que muda as regras de certificação de filantropia a entidades beneficentes de assistência social, saúde e educação. O projeto regula os procedimentos de isenção de contribuições para a seguridade social. Como explica o relator, deputado Carlos Abicalil (PT-MT), trata-se do marco regulatório do setor. Pela proposta, que agora será submetida à análise do Senado, os ministérios da Saúde, da Educação e do Desenvolvimento Social e Combate à Fome passam a ser os responsáveis pela concessão dos certificados de beneficência às entidades que atuarem em suas respectivas áreas. Atualmente, a tarefa cabe ao Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS). Caberá a eles definir os procedimentos para habilitação e o prazo de validade da certificação - entre um e cinco anos, segundo o projeto aprovado ontem na Câmara. Atualmente, o prazo é de três anos. Os ministérios terão de comunicar à Receita Federal os pedidos de certificação e de renovação, concedidos ou não. A proposta define requisitos que a entidade tem que cumprir para ter direito à isenção definida pela Lei da Seguridade (lei número 8.212, de 1991): não pagamento da cota patronal de 20% ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Para as entidades da área de educação o critério é a concessão de uma bolsa de estudos para cada nove pagantes no ensino básico. Na área da saúde, será obrigatório que as entidades ofereçam 60% de serviço gratuito ao Sistema Único de Saúde (SUS). Na área da assistência social, as entidades terão de oferecer 60% de atendimento gratuito a portadores de deficiência e idosos. Pela legislação atual, segundo Abicalil, não há critério. " O certificado é concedido apenas com base em comprovações fiscais. Agora, elas terão que comprovar que são beneficentes " , disse. Após a aprovação em definitivo e a sanção do projeto, as novas regras terão de ser cumpridas na concessão dos próximos certificados ou não renovação dos atuais. Os certificados vencidos durante a validade da Medida Provisória 446 - editada em novembro de 2006 foram renovados. Mas existe um grupo de entidades, cujos certificados expiraram depois da MP (que durou até início de fevereiro de 2009). Este grupo ingressou com protocolos pedindo renovação no CNAS. No ano passado, o governo editou a medida - chamada de MP das filatrópicas -, concedendo anistia fiscal a mais de sete mil entidades filatrópicas. A renúncia pretendida superava R$ 2 bilhões de reais. Em abril deste ano, a Justiça Federal suspendeu os efeitos da MP. O relator fez um apelo para que o Senado dê agilidade à votação, lembrando que a partir de 31 de dezembro, sem novas regras, haverá " uma infinidade de situações sem cobertura legal " . Segundo Abicalil, a sociedade poderá acompanhar, passo a passo, o processo pela internet. " O projeto institui rigorosa transparência no processo " , afirmou o relator. Segundo ele, foram realizadas 26 reuniões desde o mês de junho, com representantes do setor. " Construímos um amplíssimo acordo que levou à aprovação e que, espero, o Senado confirme " , disse Abicalil. Raquel Ulhôa, de Brasília Fonte: AASP - Associação dos Advogados de São Paulo. Clipping eletronico.

15 setembro, 2009

FLOR DE COLLETTO

Estava mexendo no computador e encontrei essas dobrinhas que fiz a bastante tempo atrás. Chama-se Flor de Colleto e é de autoria de Riccardo Colleto. O diagrama em PDF eu recebi por email de uma amiga minha, portanto, não sei a origem, só sei que ela achou na internet (se alguém souber, me avise que coloco o link). Para facilitar o armazenamento e a visualização, consegui colocaro diagrama numa folha só. Essa flor é linda e muito fácil de dobrar. No futuro, farei alguma coisa bonita com ela. Aguardem. Se alguém quiser esse diagrama, me mandem email que enviarei para vcs.

14 setembro, 2009

Decisão do STJ impede utilização de meios cruéis em sacrifício de animais

Resolvi postar essa notícia, porque é um passo a mais que a gente dá, para que as futuras gerações não sejam obrigadas a viver num mundo em que, os fortes e falantes dominam os fracos e indefesos (e o pior, que não podem nem falar!), utilizando meios cruéis. Essa vergonha, essa chaga social, tem que acabar! Nossas crianças não podem continuar sendo contaminadas por tais atitudes que os adultos (alguns, muitos mesmo!) tem com os animais, porque isso se refletirá mais tarde em suas vidas, quando chegarem a idade adulta. Aliás, é de conhecimento geral dos operadores do Direito, que na vida pregressa dos criminosos e insensíveis, sempre existe, na infância, uma história real de maus tratos aos animais. Podem crer. Ainda voltarei a falar nesse assunto. Por favor, amigos, tenham paciência, leiam até o fim. É muito importante. E não esqueçam de comentar. 10/09/2009 Decisão da Segunda Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) determina que eliminação de animais em Centro de Controle de Zoonose não seja feita de modo cruel. Em situações extremas em que o sacrifício de animais seja imprescindível para proteger a saúde humana, deverão ser utilizados métodos que amenizem ou inibam o sofrimento dos animais. O entendimento da Segunda Turma foi firmado em julgamento de recurso interposto pelo município de Belo Horizonte (MG), que recorreu ao STJ contra acórdãos do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). O caso envolve o sacrifício de cães e gatos apreendidos por agentes públicos para o controle da população de animais de rua. O Centro de Controle de Zoonose atua com o objetivo de erradicar doenças como a raiva e a leishmaniose, que podem ser transmitidas a seres humanos. O ministro relator Humberto Martins reconhece que, em situações extremas, como forma de proteger a vida humana, o sacrifício dos animais pode ser necessário. No entanto, conforme entendeu o TJMG em seus acórdãos, devem ser utilizados métodos que amenizem ou inibam o sofrimento dos animais, ficando a cargo da administração a escolha da forma pela qual o sacrifício deverá ser efetivado. Humberto Martins chama a atenção para o limite dessa discricionariedade, ao se referir ao posicionamento do TJMG: “Brilhante foi o acórdão recorrido quando lembrou que não se poderá aceitar que, com base na discricionariedade, o administrador público realize práticas ilícitas ”, afirmou Humberto Martins. No caso, Humberto Martins avalia que a utilização de gás asfixiante pelo Centro de Controle de Zoonose do município é medida de extrema crueldade, que implica violação do sistema normativo de proteção dos animais, não podendo ser justificada como exercício do dever discricionário do administrador público. O município mineiro sustentou que o acórdão do TJMG, ao decretar que deve ser utilizado outro expediente para sacrificar cães e gatos vadios, como a injeção letal (entre outros que não causem dor ou sofrimento aos animais no instante da morte), teria violado de forma frontal o princípio da proibição da reformatio in pejus (impossibilidade de haver reforma da decisão para agravar a situação do réu). Ao avaliar a alegação, Humberto Martins, considerou que não houve gravame maior ao município. Para o ministro, os acórdãos apenas esclareceram os métodos pelos quais a obrigação poderia ser cumprida. “O comando proferido pelo tribunal de origem, em dois acórdãos, é bastante claro: deve o município, quando necessário, promover o sacrifício dos animais por meios não cruéis, o que afasta, desde logo, o método que vinha sendo utilizado no abate por gás asfixiante ”, esclareceu o ministro. Na avaliação do relator, o tribunal de origem apenas exemplificou a possibilidade da utilização da injeção letal, sem, contudo, determinar que essa seria a única maneira que atenderia ao comando da decisão. Ao contrário, o TJMG abriu espaço para outros meios, desde que não causassem dor ou sofrimento aos animais. Entre sua argumentação, o município alegou ainda que, nos termos do artigo 1.263 do Código Civil, os animais recolhidos nas ruas – e não reclamados no Centro de Controle de Zoonose pelo dono, no prazo de 48 horas – , e os que são voluntariamente entregues na referida repartição pública, são considerados coisas abandonadas. Assim, a administração pública poderia dar- lhes a destinação que achar conveniente. Ao avaliar a argumentação do município, o ministro Humberto Martins apontou dois equívocos: primeiro, considerar os animais como coisas, de modo a sofrerem a influência da norma contida no artigo 1.263 do CC; segundo, entender que a administração pública possui discricionariedade ilimitada para dar fim aos animais da forma como lhe convier. A tese recursal, na avaliação de Humberto Martins, colide não apenas com tratados internacionais dos quais o Brasil é signatário. Afronta, ainda, a Constituição Federal, artigo 225, parágrafo 1 º , VII; o Decreto Federal n. 24.645/34, em seus artigos 1° e 3°, I e VI; e a Lei n. 9.605/98, artigo 32. Recomendação da OMS Muitos municípios buscam o controle de zoonoses e da população de animais, adotando, para tal, o método da captura e de eliminação. Tal prática era recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), em seu Informe Técnico n. 6, de 1973. Após a aplicação desse método em vários países em desenvolvimento, a OMS concluiu ser ele ineficaz, enunciando que não há prova alguma de que a eliminação de cães tenha gerado um impacto significativo na propagação de zoonoses ou na densidade das populações caninas. A renovação dessa população é rápida e a sobrevivência se sobrepõe facilmente à sua eliminação. Por essas razões, desde a edição de seu 8 º Informe Técnico de 1992, a OMS preconiza a educação da comunidade e o controle de natalidade de cães e gatos, anunciando que todo programa de combate a zoonoses deve contemplar o controle da população canina como elemento básico, ao lado da vigilância epidemiológica e da imunização. Ocorre, porém, que administrações públicas alegam a falta de recursos públicos para adotar medidas como vacinação, vermifugação e esterilização de cães e gatos de rua. A eliminação dos animais aprendidos acaba ocorrendo por meio de câmara de gás. FONTE: Portal do Superior Tribunal de Justiça - Processo: REsp 1115916

LUMINOUS


Fiz um presentinho para minha netinha Ísis. Chama-se Luminous. Não sei o nome do autor. Vou preparar o diagrama e depois coloco pra vcs. Ela adorou o presente. Depois boto mais fotinhos. Tchau!!!!!!

13 setembro, 2009

SONOBE

Entre outras coisas, sou apaixonada por origami. Um amigo e colega de trabalho, há muito tempo atrás, me apresentou essa arte. Prometi a mim mesma que um dia me daria de presente um tempo para dobrar papéis. Pois bem. Agora chegou a hora. Mas, antes preciso dizer, que gosto de origami "verde". Explico. São aqueles trabalhos feitos com material reciclado, com "o-que-a-gente-tem-em- casa", nada mais. E é isso que vou fazer. Portanto, aí vai pra vocês verem, um icosaedro, feito com 30 módulos Sonobe que depois de encaixados formam tetraedros como pontas da estrela. Fiz com folhas de revistas antigas de leilão de cavalos. O papel é lindo, pelo menos, eu acho. Pretendo mais tarde, quando aprender realmente a "blogar", linkar os diagramas, créditos e explicações. Por enquanto só a fotinho para vocês verem. Espero que gostem. Meu filho Mateus, gostou tanto que carregou para o estúdio dele. Tchau. Fiquem com Deus.

INAUGURAÇÃO

Bom Noite! (graças a Deus a chuva parou!) Inauguro meu blog com uma poesia que acho linda e verdadeira! Chama-se INSTANTES, de Jorge Luiz Borges. Espero que gostem. Comentem, comentem. Os comentários me ajudarão a não ficar com preguiça de postar. Até mais. Se eu pudesse viver novamente a minha vida, na próxima trataria de cometer mais erros. Não tentaria ser tão perfeito, relaxaria mais. Seria mais tolo ainda do que tenho sido. Na verdade, bem poucas coisas levaria a sério. Seria menos higiênico, correria mais riscos, viajaria mais. Contemplaria mais entardeceres, subiria mais montanhas, nadaria mais rios. Iria a mais lugares onde nunca fui, tomaria mais sorvete e menos lentilha, teria mais problemas reais e menos imaginários. Eu fui uma dessas pessoas que viveu sensata e produtivamente cada minuto da sua vida: claro que tive momentos de alegria. Mas se pudesse voltar a viver, trataria de ter somente bons momentos. Eu era um desses que nunca ia à parte alguma sem um termômetro, uma bolsa de água quente e um pára-quedas: se eu voltasse a viver, viajaria mais leve. Se eu pudesse voltar a viver, começaria a andar descalço no começo da primavera e continuaria assim até o fim do outono. Daria mais voltas na minha rua, contemplaria mais amanheceres e brincaria com mais crianças, se tivesse outra vez uma vida pela frente. Mas, já viram, tenho 85 anos e sei que estou morrendo.

Pouco tempo depois de escrever essa poesia, o autor nos deixou para sempre. Mas se a vida não é assim como ele desenhou, então não sei o que é. Pois muitas vezes a gente se apega a um monte de bobagens, esquece o mais importante e deixa a vida passar. Acorde, viva a vida enquanto é tempo, não se compare com ninguém. Alegre-se, pois como disse Chaplin, a alegria é a única coisa que realmente nos ajuda a viver!

12 setembro, 2009

Olá!

Testando meu blog!!! Até mais! Testando meu blog!!!