04 fevereiro, 2016

NA LONA





Todo homem que se vende recebe muito mais do que vale”, disse um dia o Barão de Itararé. E o molusco, para se livrar da cadeia, já se vendeu tanto que agora não vale mais nada: credibilidade zero. Entregou até a companheirada de "lutas" e de nada adiantou. Sua situação continua em franca derrocada. E eis que agora, num surto de imbecilidade galopante, ele vem com essa de que "não há alma viva que seja mais honesta do que eu". Idiota. Mas Augusto Comte, esperto, acerta-lhe um chute no estômago: "os vivos são, cada vez mais, governados pelos mortos", hahahaha, e para fechar com chave de ouro, o Barão de Itararé, na moral, meteu-lhe um pombo sem asa no ouvido e o mandou direto para a lona: "os vivos são e serão sempre, cada vez mais, governados pelos mais vivos". Toma molusco! tem gente mais viva do que tu! O inferno é aqui mesmo e tua hora está chegando.

Marli Soares Borges
Postar um comentário